BSBIOS recebe renovação de Certificação Internacional de Sustentabilidade

Compartilhar:

A recertificação foi realizada pelo Organismo Certificador Control Union

O compromisso com o meio ambiente é um dos pilares da BSBIOS, que recebeu, em agosto, a renovação da Certificação Internacional em Sustentabilidade e Carbono (ISCC EU). As duas unidades industriais, Passo Fundo/RS e Marialva/PR, foram habilitadas, podendo participar da cadeia de suprimentos certificada pela RED II (Diretiva Europeia de Energia Renovável) para o mercado de biocombustíveis sustentáveis da Europa. A Certificação comprova a conformidade com os requisitos de produção de biomassa sustentável, rastreabilidade da origem e documentação do potencial da redução da emissão de Gases de Efeito Estufa (GEE), comparados com os combustíveis fósseis.

Em 2020, a BSBIOS também recebeu o certificado ISCC, decorrente da produção de biodiesel a partir de gorduras animais. Neste ano, a certificação atestou que o biodiesel produzido pela BSBIOS, desde a matéria-prima sustentável até a sua industrialização, reduz de 80 a 87% a emissão de Gases de Efeito Estufa se comparado ao combustível fóssil, colaborando para a redução de emissões de CO2 na atmosfera.

O ISCC fornece um sistema de Balanços de Massas para a certificação de biocombustíveis sustentáveis, ou seja, tudo que entra, sai, acumula ou é transformado no decorrer de uma operação industrial, é registrado. Além disso, durante o processo de Certificação, os fornecedores de matéria-prima e terminais portuários também passam por auditoria.

O presidente da BSBIOS, Erasmo Carlos Battistella, salienta que essa Certificação reforça os valores que estão no DNA da Companhia. “O ISCC comprova a visão sustentável da empresa e garante à continuidade de acesso ao mercado europeu de biocombustíveis. Com isso evidenciamos que nossa produção satisfaz as mais rigorosas exigências de redução de emissões, qualificando ainda mais o nosso produto,” afirmou.

A gerente de sustentabilidade da BSBIOS, Ana Cristina Curia, destaca que a Certificação é o reconhecimento do comprometimento da empresa com o meio ambiente. “A BSBIOS já tem a pauta ambiental alinhada aos seus propósitos e a Certificação é uma forma natural de reconhecer todo o trabalho desenvolvido, mostrando a preocupação e o quanto ela está engajada com as questões ambientais”, explica. Além disso, Ana pontua que a Certificação também é reflexo do trabalho em conjunto. “Dentro de uma cadeia produtiva, cada uma faz a sua parte, mas um depende do outro. Então, quando falamos em prol do meio ambiente, é a união, todo esse trabalho em conjunto que alcança resultados ainda mais positivos, do que quando se trabalha de forma isolada. E isso também provoca uma reflexão, é um trabalho que impacta o todo, seguir o caminho da sustentabilidade é uma ação que só tem a somar com o nosso planeta”, ressalta.

Battistella também destaca que os negócios que promovem a sustentabilidade devem demonstrar, por meio das certificações, o seu compromisso com a produção e o abastecimento socioambiental responsável. “O ISCC é o primeiro e principal padrão baseado na European Renewable Energy Directive (RED II), sendo uma das mais importantes certificações internacionais na atualidade,” acrescentou o empresário.