BSBIOS investe no mercado europeu de combustíveis renováveis com a aquisição da MP Biodiesel na Suíça

Compartilhar:

A operação faz parte do planejamento estratégico com foco em 2030, que estabelece um plano de investimento em negócios sustentáveis com o objetivo de posicionar a empresa entre as três maiores produtoras de biocombustíveis do mundo

A BSBIOS anunciou nesta terça-feira, 1° de março, a aquisição de 100% da fábrica MP Biodiesel localizada em Domdidier, no Cantão de Friburgo, na Suíça. A operação faz parte do planejamento estratégico, que estabelece um plano de investimento em negócios sustentáveis com o objetivo de posicionar a empresa entre as três maiores produtoras de biocombustíveis do mundo. A aquisição da fábrica marca uma nova etapa da inserção da empresa no mercado internacional, com destaque para o mercado Europeu.

O grupo já desenvolvia suas relações comerciais com a Europa a partir de uma subsidiária na Suíça há cinco anos e, em maio de 2021, passou a integrar a BSBIOS denominando-se BSBIOS Switzerland, uma plataforma da holding para representar na Europa os investimentos em biocombustíveis avançados, contribuindo para alcançar as ambiciosas metas de redução de emissão de Gases de Efeito Estufa (GEE) aprovadas pela União Europeia.

“Estamos orgulhosos de dar mais este passo, que reafirma nossa orientação de internacionalizar a BSBIOS. Com a operação, nos tornamos um produtor multinacional de combustível renovável, negociando e operando biocombustíveis de segunda geração. A operação no país tem potencial de crescimento e a planta está situada no centro da Europa, o que nos dá uma posição estratégica no continente”, explica Erasmo Carlos Battistella, presidente da BSBIOS.

Óleo de Cozinha Usado (UCO)

A produção também tem um papel local importante para oferecer uma solução ambiental para a questão do destino adequado do Óleo de Cozinha Usado (UCO). Seguindo a exigência da legislação local, a planta utiliza exclusivamente o UCO de canola e, em menor proporção, de girassol como matéria-prima.

“A empresa já está investindo e vamos ampliar a estrutura de coleta e recepção do UCO na Suíça, estando essa estratégia alinhada ao nosso objetivo de investir e gerar valor em negócios sustentáveis”, completa Battistella.

Outro destaque é a qualidade do biodiesel produzido, que tem o ponto de entupimento a frio (CFPP) à -20ºC. No Brasil, o ponto é de -5ºC. Na Suíça, a mistura mínima do biocombustível ao diesel fóssil é de 7% (B7).

A BSBIOS pretende realizar investimentos nos próximos seis meses para melhor a eficiência do processo de fabricação, além da ampliação da capacidade e capacitação da equipe comercial. A equipe da BSBIOS também estuda a ampliação de oferta no curto prazo por meio de parceria com redes de distribuição e ampliação da estrutura de abastecimento.

Omega Greeen

Outra expansão internacional do grupo brasileiro foi lançada em fevereiro de 2019, o projeto Omega Green. Trata-se do maior investimento privado estrangeiro da história do Paraguai. Nele, serão produzidos diesel renovável ou HVO, sigla em inglês para óleo vegetal hidrotratado, e querosene de aviação renovável ou SPK/SAF, combustíveis que emitem menos gases de efeito estufa e que serão destinados à exportação para os Estados Unidos, Canadá e países da Europa.

MP Biodiesel

A MP Biodiesel foi fundada em 2005 por dois fazendeiros que cultivavam canola, Müller Hans e Pellaux Jean-Luc, que então decidiram construir uma planta de biodiesel baseado em sua produção própria de matéria-prima. Cada um tem metade da participação na MP Biodiesel e administram o empreendimento.

A empresa tem um faturamento estimado de R$ 45 milhões, é 100% automatizada e tem capacidade anual para produzir 5,6 milhões de litros de biodiesel. Como parte do acordo, os proprietários apoiarão a transição por um período de dois anos.

A planta está localizada no Cantão de Friburgo, distante 121 km da sede da BSBIOS Switzerland, em Genebra. A estrutura física tem aproximadamente 1.500m², numa área total de 3.236m².